Destaque

Resenha do novo Nazca Origem Vegano& Liberado.

🥀HOJE FOI DIA DE CUIDAR DA MADEIXA, DIA DE RECONSTRUÇÃO CAPILAR.
ESSE É O NOVO CREME DE HIDRATAÇÃO INTENSIVA DA NAZCA ORIGEM BRILHO DE VERNIZ É DE QUERATINA, É TOTALMENTE LIBERADA E VEGANA.
🥀 É UM TRATAMENTO QUE PROPORCIONA MÁXIMA HIDRATAÇÃO E BRILHO PARA CABELOS OPACOS, SUA FORMULAÇÃO É ENRIQUECIDA COM QUERATINA VEGETAL QUE CONFERE BRILHO, UMECTAÇÃO E MABEALIDADE AOS FIOS.
🥀 É UM BLEND DE ÓLEOS VEGETAIS, COMPOSTO POR ÓLEO DE COCO, ÓLEO DE GIRASSOL, ÓLEO DE OLIVA, LINHO , ABACATE, ARGAN E MACADÂMIA.
💐RICO EM VITAMINA A, D, QUE PROPORCIONA HIDRATAÇÃO, REPARAÇÃO E PROTEÇÃO AOS CABELOS, ALÉM DE POSSUIR
PROPRIEDADES ANTIENVELHECIMENTO DOS FIOS..
É INDICADO PARA TODOS OS TIPOS DE CABELO.
💐 LIBERADO PARA LOW POO, NO POO
E PARA CO WASH.
💐 PODE SER USADO COMO MÁSCARA, CREME DE PENTEAR, E CONDICIONADOR.
O QUE EU ACHEI DA MÁSCARA:
EU ACHEI MARAVILHOSA.
BOM MENINAS ESPERO QUE VOCÊS TENHAM
GOSTADO DA RESENHA, BEIJOS 💋 💋💋.

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas

 

Anúncios
Destaque

ANVISA SUSPENDE VENDA DO CREME DE CABELO GOLD SALVATORE.

Anvisa suspende venda de creme para cabelo Blue Gold Salvatore
* A Anvisa anunciou nesta segunda-feira a suspensão da venda do creme de cabelo Blue Gold Salvatore. O produto estava em desacordo com a legislação sanitária.

Segundo o órgão, o creme não possuía registro que permitisse sua identificação como alisante, ou seja, era comercializado sem autorização. Dessa forma, foi determinada a suspensão de sua fabricação, distribuição, divulgação, comercialização e uso em todo o Brasil.38731199_882395268635072_7744423902725537792_n

Destaque

Testado e aprovado RECEITINHA MILAGROSA DA NAZCA COSMÉTICOS.

Collage 2018-04-05 20_02_15.jpg. Boa noite meninas tudo bem! Bom hoje eu comprei essa máscara de hidratação com amido de milho e com leite de coco, então quando eu cheguei em casa resolvi testar esse lançamento .BAPHONICO da NAZCA COSMÉTICOS,eu simplesmente amei o resultado meu cabelo ficou levinho, mega brilhoso, hidratado, nutrido e com cheirinho bem suave.
Meninas eu super recomendo esse potão RECEITINHA MILAGROSA com AMIDO DE MILHO E LEITE DE COCO.
Espero que vcs gostem, beijos lindas😘😘

QUERATINA

Beta-queratina

 

Recebe o nome de queratina, ou ceratina, a proteína secundária, de origem animal, composta por cerca de 21 aminoácidos ligados entre si através de ligações de hidrogênio. O principal aminoácido que compõe a queratina é a cisteína, que, por ser um aminoácido sulfurado, ou seja, apresenta o elemento enxofre em sua estrutura, estabelece entre si um tipo de ligação covalente denominada ligação cisteídica, que se dá entre dois átomos de enxofre.

 

A queratina é sintetizada pelos queratinócitos, células diferenciadas do tecido epitelial. Devido à sua estrutura tridimensional, essa proteína possui propriedades particulares como impermeabilidade à água, alto nível de resistência e elasticidade. A resistência, principalmente, está relacionada às ligações cisteídicas da cadeia.

Essa proteína forma uma camada que envolve as células da epiderme (camada mais externa da pele), de modo a evitar perdas desnecessárias de água e, também, proteger o organismo contra agressões externas, tais como choques mecânicos, radiação solar, ventos e chuvas. As células queratinizadas são mortas, mas, ainda assim, conseguem desempenhar tais funções, primeiro porque detêm microrganismos que auxiliam na retenção de água; depois porque formam uma camada protetora, que evita agressões às células vivas.

Nos mamíferos, além da epiderme, a queratina também é encontrada nas unhas, cabelos, cascos, chifres e garras. Nas aves, as penas e os bicos são estruturas queratinizadas. As escamas dos répteis, as “barbas de baleia”, a carapaça dos cágados, os espinhos do porco-espinho e as barbatanas dos peixes também são ricos em queratina.

Essa proteína é muito usada pela indústria de cosméticos, na composição de xampus, condicionadores, cremes, esmaltes, filmes plásticos, restauradores capilares, cremes alisantes e produtos de higiene pessoal. Por ser a principal substância que compõe os cabelos, a queratina é largamente utilizada em tratamentos capilares, destinado à reposição da proteína perdida diariamente por meio de agressões físicas e químicas. A queratina também é utilizada no alongamento de cabelos, que cola os fios com seus polímeros.

Para ser utilizada em processos industriais, a queratina pode ser extraída a partir da lã e de fios de cabelo, porém, a fonte mais utilizada é a pena de frango. Cerca de 90% da estrutura das penas são formadas por queratina, por isso são tão rígidas e resistentes a vários fatores externos.

 

Referências:
http://www.sbrt.ibict.br/dossie-tecnico/downloadsDT/Mjky
http://pt.wikipedia.org/wiki/Queratina
Ilustração: http://hmaloy.wikispaces.com/B-keratin+(silk)

 

Coisas que podem causar oleosidade no cabelo

10 coisas que podem causar oleosidade no cabelo: saiba o que você pode estar fazendo de errado

Quem tem cabelo oleoso sabe como a sensação gordurosa na raiz dos fios pode ser incômoda. Além de lavar com a frequência adequada e apostar nos produtos certos para higienizar o couro cabeludo e hidratar as madeixas, é importante não cometer alguns erros que podem fazer o efeito reverso, como dormir com cabelo molhado ou usar água muito quente.

 

Confira o infográfico e saiba quais hábitos errados podem estar deixando seu cabelo mais oleoso / Foto: DermaClub

1. Dormir de cabelo molhado

Especialmente no verão, esse hábito pode parecer bastante tentador. No entanto, ele pode causar a proliferação de bactérias no couro cabeludo que deixam a região oleosa, chegando até a causar problemas mais sérios como a caspa e a dermatite seborreica.

2. Lavar o cabelo com água muito quente

Outro hábito que é um vilão do cabelo oleoso é lavar com água muito quente. O calor, em contato com o couro cabeludo, estimula as glândulas sebáceas a produzir mais oleosidade, criando o efeito contrário ao desejado. Além disso, a água quente também resseca a pele, o que produz o efeito rebote.

3. Usar ferramentas de calor como secador e chapinha muito próximo à raiz

Pelo mesmo motivo que a água quente, quem tem cabelo oleoso deve evitar usar ferramentas de calor como chapinha, babyliss, ou secador muito próximo da raiz.

4. Ficar mexendo no cabelo com as mãos

Sim, mexer constantemente no cabelo também causa oleosidade excessiva! Isso porque as nossas mãos, por mais limpas que pareçam estar, sempre carregam gorduras e sujeiras invisíveis e imperceptíveis que acabam sendo passadas para os fios.

5. Aplicar produtos hidratantes muito próximo ao couro cabeludo

Na hora de aplicar o condicionador, a máscara ou o finalizador hidratante, evite passar o produto muito próximo da raiz, já que isso pode causar o excesso de oleosidade na região. O ideal é aplicá-los da orelha para baixo, caprichando nas pontas.

6. Esfoliações muito agressivas podem causar o efeito rebote

Embora seja essencial fazer uma esfoliação no couro cabeludo pelo menos uma vez a cada duas semanas, para remover o acúmulo de produtos e células mortas que podem estar causando a oleosidade excessiva. No entanto, é importante cuidar para que o ritual não seja feito de forma muito agressiva ou até com uma frequência exagerada, já que isso pode causar o efeito rebote.

7. Usar o shampoo errado para o seu tipo de cabelo

Usar um shampoo muito hidratante, específico para cabelo seco, também pode causar o efeito contrário, não removendo adequadamente a oleosidade dos seus fios. Por outro lado, uma fórmula exageradamente adstringente pode causar o efeito rebote. Prefira um shampoo antioleosidade com uma fórmula balanceada.

8. Lavar demais, causando o efeito rebote

Da mesma forma, lavar demais o cabelo também pode causar o efeito rebote. O ideal, recomendado por dermatologistas e tricologistas, é repetir o ritual dia sim, dia não.

9. Alterações hormonais

Algumas coisas você não pode controlar, como as alterações hormonais que acontecem no seu corpo. Na TPM, na menopausa, na gravidez – entre outros, é frequente reparar que o cabelo está mais oleoso. Neste caso, o ideal é consultar um endocrinologista para que se possa analisar a origem da questão.

10. Usar chapéus, toucas e acessórios apertados com frequência

Se você tem cabelo oleoso, evite usar chapéus ou acessórios que abafem o couro cabeludo, já que isso pode causar a transpiração do local e a má oxigenação e luminosidade pode proliferar o crescimento de bactérias.

Minancora Action tratamento para acne.

Resultado de imagem para minancora action

 

Minancora Action: linha de produtos para tratamento da acne

Além da tradicional pomada Minancora, a marca tem desenvolvido novos produtos para atender necessidades mais específicas da pele. É o caso da linha Minancora Action, uma linha completa para tratamento de cravos e espinhas.

Veja os produtos da linha:

  • Minancora Action sabonete facial adstringente: com ativos à base de Melaleuca, que possui ação adstringente, esse sabonete limpa profundamente a pele removendo o excesso de oleosidade e prevenindo o acúmulo de impurezas. Disponível em barra e na versão líquida;
  • Minancora Action creme antiacne: creme antiacne de fórmula leve e rápida absorção. Combinando Triclosan e Melaleuca, esse creme proporciona ação antisséptica que inibe o desenvolvimento dos agentes causadores da acne;
  • Minancora Action tônico facial adstringente: com fórmula à base de ácido salicílico, esse tônico possui ação adstringente, controla a oleosidade da pele, reduz os poros dilatados e possui efeito secativo. Livre de álcool em sua composição, esse produto limpa, refresca e tonifica a pele deixando-a livre da acne;
  • Minancora Action esponja esfoliante: pequenas esponjas práticas e versáteis que limpam profundamente a pele por meio de uma esfoliação suave.

Além da pomada Minancora e da linha Action, a marca também possui um creme específico para pés, o Minancora Alívio para os pés, um creme que hidrata a pele, combate os fungos e bactérias, alivia a sensação de cansaço nos pés ao fim do dia e elimina odores por sua ação desodorizante.

Aliando tradição a novas tecnologias, a Minancora se mantém forte no mercado garantindo a qualidade e eficiência dos seus produtos. Sua pomada é um daqueles produtos que sempre vale a pena ter em casa, pois possui diversas funcionalidades. Além disso, o desenvolvimento de novas linhas de produtos mostram que a marca vem se atualizando e investindo em tecnologia para atender de forma eficaz as necessidades e particularidades de cada tipo de pele.

 

Você sabe lavar corretamente seu cabelo

Como lavar o cabelo corretamente? Passo a passo ideal de uso dos produtos

O ato de lavar o cabelo parece não apresentar nenhuma dificuldade, mas muitas mulheres ainda cometem erros que podem comprometer a saúde dos fios. Para uma lavagem correta, é preciso atentar para fatores como a temperatura da água, a ordem e aplicação dos produtos.

A temperatura correta da água

A restrição da água quente já não é nenhuma novidade, pois a maioria já sabe que a alta temperatura danifica os fios, deixando os cabelos ressecados, com frizz e sem brilho. Mas você sabia que a lavagem não deve ser feita somente com água fria? “Vou dar um exemplo simples: quando você tem uma louça com resíduos de oleosidade para remover, como você pode fazer para facilitar a retirada do óleo? Usando água morna! A mesma coisa acontece com o cabelo, que também fica olesoso. Para facilitar a retirada de oleosidade e deixar o fio mais limpinho, o ideal é que ele seja lavado com água morna. É uma temperatura meio-termo que ajuda a limpar melhor o cabelo sem ressecar ou danificar”, explicou o profissional, que ainda concedeu uma dica preciosa para deixar as madeixas brilhosas.

“Para dar um up no brilho, faça apenas o último enxágue com água fria, depois do cabelo totalmente limpo. Isso ajudará a fechar as escamas do fio, preservando a hidratação e aumentando o brilho”,

A ordem dos produtos: Shampoo, Máscara e Condicionador

Cada produto tem uma função específica, por isso a ordem correta influencia postivamente na hora da lavagem dos fios. Siga o passo a passo e entenda a função de cada um!

1) Shampoo: desengordura o couro cabeludo e limpa os fios, preparando-os para receber o tratamento.

2) Máscara: nutre, hidrata e repõe as proteínas que os fios perderam.

3) Condicionador: sela as escamas do cabelo, preservando as proteínas e o tratamento nos fios.

É preciso aplicar o shampoo duas vezes?

As mulheres que gostam de estar informadas sobre o universo dos cabelos já devem ter lido que é necessário aplicar o shampoo duas vezes para a limpeza total dos fios. Porém, segundo Ezequias, isso não é uma regra. “Depende com que frequência você lava seus cabelos. Caso lave todos os dias, ou dia sim, dia não, e os fios não sejam muito oleosos, dá para usar o shampoo apenas uma vez. Agora, se o cabelo é extremamente oleoso ou você fica mais de dois dias sem lavar, o ideal é que o shampoo seja aplicado duas vezes, para limpar bem!”, explicou.

A quantidade correta do shampoo

  • Cabelos longos e/ou volumosos: dois pumps de shampoo para cada lavagem.

  • Cabelos médios: um pump para cada lavagem.

  • Cabelos curtos: um pump para cada lavagem.

“Não adianta colocar meio litro de shampoo na mão e aplicar no cabelo, isso não vai fazê-lo ficar mais limpo. Ao contrário, só vai causar acúmulo de produto e deixar seu cabelo pesado, cheio de resíduos e sem vida”, afirmou.

Como aplicar a máscara no cabelo?

Segundo o profissional, o ato de aplicar a máscara durante o banho é muito comum, mas tem seus pontos negativos, pois o produto é diluído e perde sua eficiência. Confira a forma ideal de aplicá-la.

1) Retire o excesso de água do cabelo com uma toalha (sem esfregar), apertando suavemente os fios.

2) Desembarace os fios com um pente largo.

3) Aplique a máscara e deixe agir por cinco minutos.

4) Enxágue.

“Evite colocar as mãos no pote para retirar/aplicar o produto, de preferência, use um pincel de coloração bem limpo. Se você não tem, use uma colherzinha ou espátula para retirar a máscara e aplique com as mãos bem limpas. Isso tudo evita que ela seja contaminada por bactérias ou altere seu pH e fórmula”, alertou Ezequias.

Como aplicar o condicionador?

“Não deve ser aplicado na raiz, pois o contato do condicionador com o couro cabeludo favorece o aumento de oleosidade. Quando excessiva, pode causar coceiras e mau cheiro, além de dermatite seborreica (caspa). Deve ser usado apenas no comprimento e pontas dos cabelos e deixar agir por, aproximadamente, três minutos. Em seguida, é preciso enxaguar bem. Nunca se deve deixar o condicionador nos cabelos, senão ficará muito gorduroso e com tendência à caspa e a adesão de partículas invisíveis que removem o brilho do cabelo”, finalizou.

Pronto! Agora você já pode aproveitar todas as dicas para deixar seus cabelos limpos e saudáveis.